12.6.18

- 20 kg



Peso máximo 65 kg e mínimo 62 kg

Eu lembro exatamente do dia em que uma profissional que já me conhecia a bastante tempo me disse, Jhu, seu corpo tem memoria! Ele lembra que você mal comia, tomava chás e ainda fazia academia, ballet e boxe! Nossos corpos tem memórias! Então fazer dietas da moda ou execícios revolucionários, infelizmente não irão funcionar com você. 

Foi quando caiu a ficha! Depois de 5 anos me entupindo de remédios que eu nunca dava conta de terminar porque eu tinha reações horríveis, de fazer, comprar dietas mirabolantes que  só me deixavam ainda mais desesperada por comida, de tentar todos os tipos de tratamento estésico com máquinas e produtos e por fim de entrar e sair de academias, centros de luta ou dança, parecia que algo tinha dado um start.

O grande detalhe, foi que isso foi me dito em agosto de 2017, mas eu havia me entregado, eu não tinha mais forças, a unica coisa que me alegrava ou me contentava, era a comida! Sim, eu passei a comer escondido! É claro que eu não engordei do dia para a noite, eu sempre lutei contra a balança, desde de meus 13 anos, eu aprendi a esguiar a barriga, a controlar meu peso... Mas, foi quando eu noivei que eu levei um susto! 

Eu noivei em setembro de 2013, como eu e meu esposo queríamos muito casar em novembro, logo eu procurei uma profissional e comecei a tomar anticoncepcional, 3 meses antes do casamento. Mas precisamos mudar a data para abril de 2014, mas fui orientada a não interromper o medicamento, mas trocar, pois havia engordado 8 kg, até aí eu achava que conseguiria retornar ao meu peso antigo, mas não, engordei mais uns 2 kg. 

Quando voltamos da lua de mel, voltei para minhas dietas malucas e tratamentos estéticos, foi quando suspenderam o anticoncepcional pois havia tido um problema hormonal. Então agora era por minha conta tentar baixar esses 10 kg que havia ganhado, mas nos outros 3 anos eu engordei mais 7 kg.  
No inicio de 2018 eu me via 17 kg mais gordinha, ninguém tinha coragem de me fazer parar, parece que as pessoas tinham medo. Eu percebi, que só eu poderia mudar minha realidade. Foi então, durante o período de carnaval, que decidi radicalizar!

Peso máximo 87 kg peso mínimo 81 kg

Comecei a dieta da USP. Cortei vida social, eu não conseguiria dizer não para as delicias que sempre via quando saía. E o mais inteligente, cortei os exercícios. Eu precisa dar um susto de cada vez no meu corpo, para que eu pudesse sempre perder peso de forma continuada.
Nas duas primeiras semanas de dieta eu perdi 7 kg, é claro que ninguém percebeu. Eu mal percebia também, mas tirava fotos diárias, do meu peso, corpo e com roupas que não serviam em mim, era uma forma de me ajudar e me estimular.

A cada 7 dias eu comia algo que desejava muito na hora do jantar, é claro que eu passava muito mal, mas isso me ajudava a saciar minha vontade daqueles 7 dias de comidinha regrada. Como a Dieta USP é quase uma dieta cetogênica, ela faz com que você perca muitas medidas.
No mês de março precisa dar um novo estimulo para meu corpo. A dieta USP a pesar de ser bem restrita, consistia em café, almoço e janta. Agora eu passei a adotar almoço e janta, adicionando um pouco de arroz e feijão e fazendo o jejum de 16 horas. O Jejum ajudou muito e passei a perder mais peso, a vontade por doces, frituras que em fevereiro eram muito forte, passaram a ser menos frequentes.

Eu passei a perder 1 kg a cada 4 ou 5 dias, isso resultou em menos 10 kg nos meses de março a maio.
Foi quando foi necessário um "novo" estimulo para meu corpo. Continuei no jejum de 16h, almoçando proteína + arroz + feijão e jantando iogurtes naturais, claro que para manter o balanceamento de comidas necessárias, eu tomo uma vez por semana sopa de feijão e continuo mantendo o jantar do lixo também uma vez por semana. Mas passei a adotar 3 vezes por semana a aula de dança de ritmos e também a tomar óleo de coco e 2 capsulas de chá verde por dia. Nisso lá se foram mais três quilinhos. Ou seja, mais uma vez deu certo o ataque. Eu tenho certeza que se eu tivesse feito tudo de uma vez, DIETA + EXERCÍCIOS + TRATAMENTOS COM PRODUTOS = DESISTÊNCIA como todas as outras vezes.

É claro, que eu não passo fome. Mas eu passei a comer comida de verdade. Deixei de lado os industrializados, até mesmo aqueles fitness, tenho outros estímulos guardados, em agosto pretendo a voltar para o Jazz, em outubro para o Boxe e em dezembro para a musculação (o que eu menos gosto kkk)

Algo que me ajudou também, foi a paciência. Eu sempre quis abraçar o mundo com as mãos, nunca terminava projeto nenhum, eu parei e pensei, qual desses planos mais te frusta? E vi nitidamente que era não poder usar minhas roupas, me sentir mal com meu corpo, então de fevereiro até hoje tenho focado apenas nisso, é claro que é ruim! Você abrir mão de tantas coisas, mas em contrapartida, me sinto mais forte e determinada para alcançar as outras coisas. Eu entendi que não engordei 20 kg em um mês, e sim em 5 anos. Precisaria ter paciência. Cheguei aos 87 kg, hoje estou com 67 kg, mas não foi só a modelagem do meu corpo que mudou, minhas unhas e cabelo voltaram a crescer.

Peso máximo 70 kg e minimo 67 kg

Agora vou continuar persistente! Sei que não será fácil, até porque pode ocorrer de eu desistir e voltar a engordar tudo novamente, mas continuarei tentando, eu tenho a meta de chegar aos 58 kg, Mas não foco nisso! Fiz pequenas metas, a minha atualmente é 65 kg que me deixará fora do sobrepeso conforme meu IMC, depois 62 kg o peso mais baixo que já estive e por fim 58 kg o meu peso correto conforme minha bioimpedância. 
Claro que muita coisa pode acontecer e eu acabar não conseguindo. Mas continuarei tentando, perdi 20 kg isso é uma pequena vitória que conquistei depois de 5 anos de muita luta.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

até próxima!
Jhu.